Onde estás?

Tu de repente desapareceste
Ainda ontem estavas aqui
Hoje não sei de ti.
Sinto um imenso vazio
por não estares cá
Não sei o que fazer
para mim mais nada
faz sentido.
Apetece-me gritar
para tirar esta tristeza
dentro de mim.
Apetece-me correr
até te encontrar
porque sei que tu
deves estar por ai.
Será que um dia
Te vou voltar a encontrar?

O sentimento de tristeza
Não sai dentro de mim
Porque sei que nunca mais
te vou ter aqui, a meu lado.
Porquê a ti e não a outra pessoa
tu não merecias.
Sinto uma revolta,
porque sei que não posso fazer nada.
Quero pensar que isto é um pesadelo
e que amanhã vou acordar
e tu já aqui vais estar
Mas o problema é que eu sei que isso é mentira
e que nunca mais te vou ver.

Pequena Deusa, 7º ano

4 comentários:

adrianita disse...

gostei mt pekenina deusa
adorei
mas ta mt triste
mas gostei na mexma
PARABENS...continua

Anónimo disse...

mt bom*
aserio
gostei mt mexmo!!!

IAT disse...

Gostei muito do teu poema.
Sabes? Eu iria ficar muito feliz se tu continuasses a escrever o que te vai na alma.
O teu desabafo fez-me sorrir, e isso é bom, reconfortante.
Talvez um dia te encontre e partilhe contigo o gosto doce do pensamento.

Anónimo disse...

MUITO BOM, mas muito triste