Infografias: "Cinco décadas de Democracia, o que mudou? "

A  Pordata e a Fundação Francisco Manuel dos Santos (FFMS), em conjunto com a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), disponibilizam às escolas um conjunto de infografias sobre o que mudou no país entre a década de 1970 e a atualidade, no emprego, na população, na economia, entre outros aspetos importantes da vida nacional.

A nossa Biblioteca Escolar foi uma das 448 do país contempladas com o conjunto impresso de 12 cartazes, que se encontram expostos no átrio à entrada da Biblioteca.

Para além da divulgação desta exposição e das sugestões de exploração propostas pela RBE junto dos docentes e no blogue, o interesse das infografias para o público escolar (e não só) justificou a sua inclusão no recurso “Abril depois de Abril” (Fazer abril e Abril em dados) e a criação de um desafio digital (quiz) para tornar a leitura das infografias mais interativa, estimulante e pertinente em termos curriculares.

Convida-se, assim, toda a comunidade educativa a visitar esta exposição e a conhecer as alterações em áreas como a natalidade, escolas, ensino superior, transportes, envelhecimento, trabalho ou eleições, entre outras, que ocorreram nos últimos 50 anos.

Deixamos, ainda, o link de acesso ao Desafio Digitalhttps://forms.gle/g1dA5i7pNmQXP2pr6

------
RESULTADOS DO DESAFIO DIIGITAL
(alunos com melhor pontuação e melhores frases sobre a Exposição)

Turma e Nome dos Alunos

Frases

10ºA- Juliana P.

Aprender melhor novos conteúdos

10ºA- Rodrigo

Aprendizagem

10ºA- Sofia

-----------

10ºA- Carolina J.

Fiquei a conhecer mais sobre a evolução nestes últimos 50 anos em termos de população, atividades económicas, política e habitação

9ºA –Santiago P.

Gostei mais da diversidade de temas que podemos aprender em pouco tempo

9ºB - Constança

Aprendi muitas coisas novas

8º B – Gonçalo M.

Gostei muito desta exposição porque nos permitiu comparar valores importantes para compreender o desenvolvimento de Portugal ao longo de 50 anos

8ºB- Filipe G.

Fiquei com uma ideia mais completa sobre o que mudou desde 1974 até à atualidade

Exposição "Ditadura, Revolução, Democracia"

No âmbito das Comemorações do quinquagésimo aniversário da Revolução de 25 de Abril de 1974, a Biblioteca Escolar acolheu a Exposição "Ditadura, Revolução., Democracia", de 9 a 19 de abril.

Nos onze painéis temáticos que a constituem, a Exposição remete para aspetos tão diversos e relevantes como Os Regimes Políticos do Século XX, O Estado Novo, A Contestação à Ditadura, A Guerra Colonial e o MFA, O Golpe de Estado Militar, A Revolução, A Descolonização e as Independências, O PREC, A Democracia e O Artivismo.

Ao longo destes dias, os docentes de História realizaram visitas guiadas ao espaço da Biblioteca com a maioria das turmas , nas quais foi possível ver e explorar, de forma orientada, os diversos painéis e, desta forma, aprender e/ ou relembrar alguns aspetos fundamentais para interpretação do acontecimento histórico que se assinala.

Dinamizada e gerida pela Rede Intermunicipal de Bibliotecas da Região de Coimbra, em parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares, esta exposição conta com o envolvimento da Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC) na conceção gráfica, a coordenação científica de uma equipa de investigadores do Centro de Estudos Interdisciplinares da Universidade de Coimbra (CEIS-20) e o apoio institucional da Comissão Comemorativa dos 50 Anos do 25 de Abril, tendo sido adquirida pela CIM-RC para circulação pelos seus 19 municípios.

----
Nota: é possível aceder aos conteúdos e a recursos complementares (áudio / vídeo, ...) , no Repositório da exposição Ditadura, Revolução, Democracia, da Universidade de Coimbra (ver aqui conteúdos alargados).


Encontro Intergeracional "Falar de Liberdade"

Na Semana da Interculturalidade, uma equipa da Câmara Municipal de Cantanhede esteve na Biblioteca Escolar para dinamizar uma sessão de partilha de pontos de experiências e pontos de vista, juntando duas turmas de 8.º ano a um conjunto de elementos da comunidade local sénior, para debater diversas questões sob o lema "Falar de Liberdade".

A sessão decorreu de forma bastante animada, existindo um excelente relacionamento entre as gerações envolvidas nos diversos grupos de trabalho. Os alunos tiveram oportunidade de ouvir relatos variados sobre a vida no período de ditadura e os adultos de conviverem e com jovens adolescentes com perspetivas diversas das suas.

No final, registadas as respostas em folha própria, o porta-voz de cada grupo apresentou as principais conclusões. Houve, ainda, tempo para juntar todas as vozes na canção "Grândola Vila Morena"

Assim se assinalou, também, os 50 anos do 25 de abril, aproximando a escola da comunidade e dando voz às gerações.

Semana da Leitura 2024

A Semana da Leitura - um evento anual de celebração festiva que nos é proposto pelo Plano Nacional de Leitura, traz, mais uma vez ao AE Gândara Mar um número de atividades considerável e muito diversas.

De acordo com a Programação estabelecida, e que resulta, em boa parte, da auscultação e envolvimento direto dos alunos e dos docentes de Português dos 2.º, 3.º CEB e do Ensino Secundário, há muitas propostas de grande interesse para conhecer, participar e divertir de 18 a 22 de março. Também no Pré-Escolar e no 1,º CEB, a festa acontece, incluindo, também, a colaboração de pais e encarregados de educação.

Para dar conta desta Semana da Leitura, a BE concebeu um micro site (Genially) dedicado à mesma e que terá atualização diária:


Representações teatrais em Cantanhede

Integradas na programação anual da Rede de Bibliotecas de Cantanhede, tiveram lugar, no dia 6 de fevereiro, a representação teatral de  Aquilo que os olhos veem ou o Adamastor  e do Auto da barca do Inferno, destinadas, respetivamente, às turmas dos 8.º e do 9.º ano.

No período da manhã, 39 alunos das turmas A, B e C do 8.º ano, acompanhados pelos professores Dália
Pereira, Elisabete Cardoso e Mary Rocha, participaram na sessão de Aquilo que os olhos veem ou o Adamastor, da autoria de Manuel António Pina. À tarde, assistiram ao Auto da barca do Inferno, de Gil Vicente, 54 alunos do 9.º ano (ensino regular e curso de educação e formação), tendo os professores Cristina Ramos, João Ferreira, João Martins e Sónia Pereira procedido ao acompanhamento dos mesmos.

Ambas as atividades decorreram no Auditório do Centro Paroquial São Pedro, cabendo à companhia de teatro ETCetera levar a palco estas duas obras do currículo do 8.º e 9.º ano. O transporte dos alunos e dos docentes foi assegurado gratuitamente pelo Município de Cantanhede.

Esta iniciativa tem como propósito proporcionar o contacto com a representação teatral e favorecer a compreensão das obras estudadas, assim como despertar o interesse dos alunos para a ida ao teatro. Os alunos e os professores envolvidos fazem uma avaliação muito positiva da experiência: houve atenção e interesse ao longo das sessões e os alunos estão, agora, mais motivados para estudar os textos ou para falar sobre os mesmos.

--------

Registos fotográficos: